Brasil participa da escolha da melhor universidade corporativa do mundo

0
1040

A diretora de Educação e Gestão de Talentos da mineradora Vale, Desiê Ribeiro, é a única jurada brasileira do prêmio do Conselho Global de Universidades Corporativas (GlobalCCU). A empresa é uma das 14 que julgaram as universidades corporativas que melhor têm contribuído na criação de valores estratégicos para pessoas, negócios e sociedade em todo o mundo.

A conferência para anunciar a melhor instituição ocorrerá em Paris, no próximo dia 6 de maio. Para escolher os vencedores do prêmio, os jurados se reúnem por teleconferência. Há representantes entre diversos países do mundo, mas o Brasil é a única nação latino-americano a integrar a lista de jurados.

O Brasil também está representado entre os finalistas deste ano, com o Banco do Brasil e a empresa Ernst & Young. Além da melhor universidade corporativa, serão escolhidas a instituição com maior impacto na estratégia de negócios da organização; a que melhor incorpora a identidade, a cultura e a marca da empresa; a mais inovadora; e a melhor em alavancar a responsabilidade corporativa.

comentários