Business Partner e profissionais de remuneração são os mais valorizados na área de RH

0
1470
 RH - Crédito: Divulgação
 Crédito: Divulgação

Há cinco anos, o profissional de Recursos Humanos vem ocupando um papel mais estratégico dentro das companhias, sendo responsável por fomentar a inspiração dos colaboradores e promover um trabalho de conscientização das lideranças, a fim de dar espaço para que novas ideias sejam ouvidas e discutidas. Dentro deste cenário, o Guia Salarial 2016 da Robert Half mostra que profissional de business partner segue como peça fundamental para traduzir as demandas das linhas de negócios e transformá-las em soluções da área de RH.

De acordo com o estudo, a tendência é que em 2016 grandes empresas deixem de lado a especialização das equipes e busquem profissionais mais generalistas, preferencialmente com experiência prévia em mais de uma área e bom conhecimento das leis trabalhistas. Em tempos de otimização de recursos e foco na produtividade, os executivos de remuneração e benefício também têm sido valorizados, graças à habilidade para estudar cargos, salários e necessidade de reestruturação, além de pacotes para atração e retenção de talentos.

“A palavra de ordem no RH é eficiência e esses executivos vão identificar oportunidades de redução de custos para a organização”, diz Mariana Horno, gerente sênior da Robert Half. Já os profissionais de atividades ligadas a programas de treinamento e desenvolvimento devem se sentir impactados pela cautela das empresas com relação a investimentos.

Quanto à remuneração na área de Recursos Humanos, a maior valorização apontada pelo Guia Salarial da Robert Half é para o cargo de Diretor em empresas de grande porte. A previsão é de incremento de 10,6% para 2016 e variação entre R$ 20 mil e R$ 32 mil.

Panorama da área de Recursos Humanos
·         Oportunidades – tecnologia (internet), energia, serviços e bens de consumo

·         Demanda – business partner, gerente generalista e coordenador generalista

·         Perfil valorizado – inglês fluente, visão de negócio e estabilidade no currículo

·         Maior valorização salarial (de 2015 para 2016) – para o cargo de diretor de Recursos Humanos em empresas de pequeno e médio porte, com previsão de incremento salarial de 10,6% para 2016 e variação entre R$ 20 mil e R$ 32 mil

comentários