Etiqueta e comportamento corporativo é tema de curso em Curitiba

0
1281

Já parou para pensar em como o sucesso das pessoas e das empresas dependem da relação com a sociedade e da imagem que transmitem? Diante dessa característica do mercado, o Centro Europeu criou o curso “Etiqueta e Comportamento Corporativo”.

Realizado em Curitiba (PR) e com duração de cinco semanas, o curso prevê conteúdos como Diferença entre etiqueta, cerimonial e protocolo; Etiqueta à mesa – Tipos de serviços; Almoço e jantar de negócios; Videoconferência; Conference Call; Telefone empresarial/celular; NETtiqueta – Como ter o comportamento adequado na internet; Organização, administração e comportamento em eventos empresariais.

A próxima turma está com as inscrições abertas. As atividades começam dia 16 de março, com aulas dois dias por semana à noite. Mais informações pelo telefone (41) 3339-6669 ou no site www.centroeuropeu.com.br.

Na entrevista a seguir, Silmara Santos Adad, supervisora do curso de Etiqueta Social e Corporativa do Centro Europeu, fala da importância da postura no ambiente de trabalho, os principais erros ao não observá-los e suas consequências.

1 – Como a postura e etiqueta no ambiente profissional influenciam uma mudança de cargo ou aumento de salário?
A atenção à postura correta, ética e respeitosa com os demais confere diferencial ao profissional e isto chama a atenção de modo positivo no ambiente de trabalho e social. Esta postura transmite credibilidade, confiança e faz com que o profissional tenha destaque. Este conjunto de atitude é tratado no ambiente corporativo atual como competência social. Quanto mais alto o cargo, maior a necessidade de habilidade de relacionamento.

2 – Quais os erros mais comuns que executivos cometem e que podem atrapalhar seu desenvolvimento e ascensão profissional?
Falta de comprometimento e ética, não cumprir horários, prazos e contratos, não dar retorno aos e-mails, ligações e recados, mau comportamento em reuniões, viagens, almoço e eventos de negócios são alguns exemplos bastante comuns que comprometem o bom convívio e prejudica a imagem pessoal e profissional.

3 – Quais os indícios e sinais de alerta de que o profissional precisa melhorar sua postura e etiqueta no trabalho?
Quando o profissional começa a ser deixado de lado e “esquecido” pelos demais colegas de trabalho, como por exemplo, não ser mais chamado para participar de reuniões e quando assuntos anteriormente tratados com ele não são mais são sinais fortes de alerta de perigo.

Silmara Santos Adad, supervisora do curso de Etiqueta Social e Corporativa do Centro Europeu
Silmara Santos Adad, supervisora do curso de Etiqueta Social e Corporativa do Centro Europeu

comentários