Questão de valor

0
217

Para Daniela Mendonça, presidente da LG lugar de gente, para a empresa ser reconhecida como uma organização que transmite confiança é preciso começar dentro de casa. “É por isso que nossos colaboradores são constantemente incentivados a internalizar nossos valores, entre eles o ‘Confiabilidade’”, diz.

Qual o segredo de uma empresa de confiança?
A confiança é fundamental para qualquer negócio ou segmento de mercado. Entretanto, quando falamos em tecnologia para gestão de capital humano, ela é ainda mais importante, pois são soluções que mexem com legislação e processos importantes das empresas, sem contar no bem-estar de seu principal ativo: as pessoas. É por isso que a LG lugar de gente acredita que o segredo para ser uma empresa de confiança é, dentre outras coisas, ter empatia com os clientes e investir no relacionamento consultivo. Isso significa, por exemplo, no momento da venda, compreender a real necessidade do cliente, oferecer as soluções que sejam verdadeiramente aderentes ao nível de complexidade de cada negócio e que trarão ganhos e retornos rápidos sobre o investimento. Representa, ainda, ser parceiro de nossos clientes, estando ao seu lado sempre, disposto a entendê-los e ajudá-los, e a desenvolver e ofertar novas soluções que acompanhem a evolução de seu negócio. Foi com essa postura que a LG lugar de gente, pela 10ª vez, conquistou seu lugar entre os Fornecedores de Confiança e também alcançou o índice de 99% de recomendação dos seus clientes, segundo pesquisa aplicada em novembro de 2016 com nossa base de clientes.

Que ações sua empresa possui para manter a equipe capacitada e sempre pronta para atender o cliente?
Para sermos reconhecidos como uma empresa que transmite confiança, temos de começar pelo dever de casa. É por isso que nossos colaboradores são constantemente incentivados a internalizar nossos valores, entre eles o “Confiabilidade”. Para a LG lugar de gente, a capacidade de confiar é algo que se constrói juntos, dia após dia. Por isso, valorizamos a parceria, ancorada na transparência, no respeito e na preocupação com nossas entregas. Ou seja, nosso foco é sempre fazer bem feito. Além disso, destinamos um investimento especial na capacitação das nossas equipes seja por meio de treinamentos internos ou mesmo por meio do incentivo à pós-graduação, oferecido semestralmente aos nossos colaboradores. Apenas em 2016, as ações desenvolvidas pela LG lugar de gente voltadas para capacitação somaram mais de R$ 117 mil.

Como se manter atualizada com o mercado em que atua e até se antecipar às necessidades dos clientes?
Primeiramente, é necessário conhecer profundamente o negócio em que atua. Somos especialistas em capital humano e estamos no mercado há mais de 30 anos. Durante esse tempo, sempre mantivemos um relacionamento muito próximo com nossos clientes. É comum ouvirmos deles que as soluções entregues pela LG são implantadas a quatro mãos, isso porque eles são envolvidos diretamente em todo o processo. Assim, nossos produtos estão em constante evolução e muitas evoluções vêm dos nossos próprios clientes. Além disso, estamos sempre antenados às tendências mundiais de RH e tecnologia. Não medimos esforços para manter nossas soluções aderentes às necessidades da gestão de pessoas. Prova disso foi nosso movimento de solidificação de nossa oferta HCM, que se iniciou em 2015, com a aquisição da w3, empresa líder de sistemas de gestão de capital humano em SaaS, e continuou em 2016, com o investimento na eguru, líder nacional em games empresariais. Percebemos que as empresas precisavam gerenciar seu capital humano, mas necessitavam de soluções modernas e integradas, que refletissem a cultura de nosso país e estivessem em nosso idioma. Ao mesmo tempo, vimos que as companhias estavam em busca de práticas inovadoras relacionadas à gestão de pessoas. O lançamento da Suíte Gen.te nuvem, também em 2016, foi outro movimento de antecipação. Sabemos que cloud computing e SaaS não são mais tendências em muitos segmentos e principalmente em mercados mais maduros, como EUA e Europa. As vantagens para fornecedor e clientes são inúmeras. De olho nesse cenário, trabalhamos desde 2010 e investimos mais de R$ 30 milhões para nos tornarmos a primeira empresa brasileira, e hoje única, a oferecer uma plataforma completa e integrada para a gestão de capital humano em nuvem.

Quais as expectativas para este ano e as principais estratégias para 2018?
Nossos planos para esse ano e para 2018 estão totalmente voltados em consolidar essa nova oferta, Suíte Gen.te nuvem, ao mercado, buscando atrair novos clientes. Vamos ampliar os canais de distribuição para alcançarmos inclusive segmentos de mercado nos quais até então não tínhamos tanto abrangência. Também estamos focados no eSocial, para garantir que nossos clientes façam a transição da forma mais tranquila possível, e na disseminação de nossa oferta de HCM, que tem diferenciais significativos como a parte de analytics e o que chamamos de portal HCM, um único local que concentra as atividades e resultados de performance, treinamento, desenvolvimento e gestão de metas do colaborador, entre outras funcionalidades.

Quais tendências estão se aproximando do horizonte e sobre as quais o RH deve saber?
São muitas! Tecnologia é uma área em que novidades surgem a cada dia e sempre podemos aplicá-las ao RH. Algumas delas são mobilidade, tecnologia nuvem e o analytics. Além disso, não podemos esquecer das evoluções da gestão de pessoas que exigem que a tecnologia se adapte. A gestão de pessoas está amadurecendo e ficando ainda mais atenta ao papel do RH dentro da estratégia da empresa. Por isso, tecnologia que apoie o RH e a gestão a diminuir custos, mensurar resultados, cruzar informações e até mesmo ajudar a prever cenários serão cada vez mais demandadas.

comentários